Brasil é o único entre os 10 maiores países agrícolas com alta nas exportações de janeiro a maio

Da redação AGROemDIA

O Brasil foi o único país – entre as 10 maiores economias mundiais do setor primário – cujas exportações agrícolas cresceram de janeiro a maio deste ano. No período, os embarques brasileiros somaram US$ 37,1 bilhões, aumento de 15,6% em relação a igual período de 2019, quando as vendas externas do setor totalizam US$ 32,1 bilhões. É o que mostram dados preliminares da Organização Mundial do Comércio (OMC).

“Embora sejam preliminares e possam mudar até o fim do ano, esses dados são uma referência importante”, destaca o engenheiro agrônomo Odilson Ribeiro e Silva, ex-secretário de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), ex-adido agrícola do Brasil na União Europeia, pós-graduado em Economia e Sociologia Rural, especialista em Negociações Internacionais e auditor-fiscal federal agropecuário aposentado.

Odilson Ribeiro e Silva, especialista em relações internacionais – Foto: Mapa/Divulgação

Segundo Odilson Ribeiro, que avaliou os dados da OMC, o resultado mostra a essencialidade dos produtos agropecuários brasileiros. “São produtos essenciais para agroindústrias de alimentação animal, de sucos, de food-service de carne. São itens de difícil substituição e que se tornaram mais fundamentais neste período de crise da pandemia da covid-19”.

Ele aponta ainda outros dois fatores para explicar desempenho das exportações agrícolas brasileiras de janeiro a meio de 2020. “Acredito que esse crescimento também seja resultado da decisão chinesa de aumentar as compras do Brasil e da própria guerra comercial entre a China e os Estados Unidos”.

  • Compartilhe:

© Copyright - Todos os direitos reservados - Acrioeste 2020